Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Pesadelos no meio da trovoada... e ainda estacaria e sementeira com o CMIA

O dia começou bem escuro, a ameaçar mau tempo... o que depressa se confirmou. 
Mal nos tínhamos acabado de sentar ao redor da mesa grande para a reunião da manhã e já se viam os relâmpagos na janela, bem como se ouviam, um pouquinho mais tarde, trovões a ressoar ao longe.
- São as nuvens, não são? A chocarem umas com as outras!
Fonte da imagem aqui.
Logo o V. levantou novamente a questão, surgida há algum tempo atrás, da luz ser mais rápida do que o som...
- A velocidade da luz é maior, porque ela aqui chega mais depressa!
- E o barulho só se ouve depois, porque demora mais tempo a chegar cá.
A trovoada demorou algum tempo, mas alguns fixes não conseguiam ver a luz dos relâmpagos, por isso resolvemos desligar a iluminação da sala, que ficou ainda mais escura...
- Isto é um bocadinho assustador!
- Sabem o que é assustador? São os pesadelos! Eu hoje tive um, vou contar como foi...
E atrás de um vieram mais... ficamos um bom bocado às escuras, a ouvir os pesadelos uns dos outros: cobras gigantes, super heróis muito maus e com super poderes, lutas e medos e por fim a Maria da Manta, que rouba as crianças aos pais ;-) Houve pesadelos para todos os gostos, mas no final todos acabaram bem!

Prevista para hoje estava uma visita técnica do CMIA e assim aconteceu. A Engª Gracinda veio fazer connosco uma atividade intitulada "Sementeira e Estacaria, usando o composto".
Para a estacaria usamos pequenas estacas (raminhos sem raiz) de tomilho.
Mas antes estivemos a ver e a tocar o composto...
Lá no meio havia pequenos animais, bichinhos que trabalham muito para fazer o composto, transformando os restos que colocamos no nosso compostor, neste tesouro que é tão bom para as plantas crescerem bem e naturalmente.
São amigos da horta estes bichinhos (na imagem o centípede e o bicho de conta) e não devemos fazer-lhe mal! Podem conhecer mais alguns nesta imagem...
Fonte da imagem aqui.
Depois, para fazer a sementeira usamos sementes de oregãos...
Foi uma manhã bem produtiva, se bem que bastante agitadaSeriam efeitos da trovoada? ;-)
Já de tarde, na sala, continua bem evidente a inspiração Miró, em atividades espontâneas, escolhidas por alguns de nós:
Outras iniciativas, já como pequenos projetos individuais vão nascendo, sendo algumas já de autoria dos mais pequeninos:
Assim foi este nosso dia.
Estejam atentos aos recados que seguiram no vai-vem... principalmente porque amanhã está convocada uma greve da função pública e deverão estar atentos aos serviços em funcionamento.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Rescaldo... mas não só!

Este dia de rescaldo do passeio começou com música e dança, como todas as quartas-feiras...
O calor do dia e o ensaio fizeram-nos transpirar!
De volta à sala conversamos um bocadinho sobre o que mais gostamos do dia de ontem, partilhando com as duas amigas que não foram ao passeio o que aconteceu, que depois registamos em desenho:
Começamos a combinar outras coisas necessárias nesta fase final de ano letivo, pois os oito fixes finalistas querem decidir e preparar tudo a seu gosto e isso requer tempo.
Mas houve tempo para brincar e criar...
Pinturas...  
- São lindas, como as do Miró, porque têm cores fortes!
Experiências no geoplano:
- Olha só o que eu fiz! Três retângulos de tamanhos diferentes!
E criações livres com cartolina...
- Eu vou fazer um livro.
- E eu vou fazer um postal, mas primeiro vou arrumar os marcadores todos por cores...
A inspiração de Miró continua a fazer-se sentir... agora enriquecida com a experiência de ontem...
- Vou fazer uma colagem colorida e depois escrevo o meu nome com o alfabeto do
Parece que existem vários, mas na sala temos este:
Mas, se calhar, este é mais simples, porque as letras são mais fáceis de identificar:
Havemos de experimentar outra vez, mas hoje não houve tempo para mais...
Até amanhã!

terça-feira, 23 de maio de 2017

Um dia suuuuper fixe ;-)

Foi este, o do nosso passeio escolar ;-)
Saímos à hora prevista a caminho da cidade do Porto...
Chegamos à Fundação de Serralves já um pouquinho atrasados, com pouco tempo para lanchar e fazer xixi ;-) mas teve que ser!
Recebeu-nos a Melissa, à entrada da exposição a Melissa e ajudou-nos a perceber algumas das obras de Joan Miró, sendo que a maior parte delas ainda não conhecíamos...
Observamos que Miró não fazia só pinturas... ficamos a saber que usava outros materiais, alguns bem estranhos, como sacos de serapilheira ou tapetes em vez de telas, alcatrão e leite em vez de tintas e até tesouras, facas e fogo, para abrir buracos nas suas obras!
Também fazia composições com tecidos, latas e cordas e até colagens, para além de pinturas sobre papel de jornal, por exemplo... era um artista muito criativo! 
Os seus quadros de fundo escuro representam a noite e os de fundo claro, o dia... e reconhecemos alguns elementos usados, como as estrelas e os planetas.
Subimos as escadas para ver as restantes obras em exposição, já sem a companhia da Melissa... e descobrimos que Miró também fazia escultura!
Ainda vimos um filme sobre a criação de uma obra e observamos que bonita é a casa de Serralves...
Fixes & Amigos em pose para uma foto de grupo... para mais tarde recordar!
Saímos para os jardins, que são lindíssimos e que percorremos a pé pelas sombrinhas por causa do calor...
Saídos de Serralves fomos almoçar... estava mesmo na hora!
O almoço foi num sítio especial, daqueles a que só se deve ir muito de vez em quando!
Mas hoje era mesmo um dia diferente e alguns de nós nunca tinham experimentado ir... ao McDonalds! E estavam muito curiosos de conhecer...
Fixes & Amigos soubemos esperar no nosso lugar, gostamos do hambúrguer e das batatas fritas acompanhadas com um sumo e também do gelado que comemos à sobremesa! Também gostamos muito do brinquedo que recebemos no final... e agora já todos sabem do que se está a falar quando se fala do MacDonalds. 
Além disso, como diz o ditado: Uma vez não são vezes!
Seguimos viagem até à Ribeira do Porto, vendo algumas coisas curiosas pelo caminho: Tuc-tucs, a Casa da Música e até dois guardas da GNR a cavalo na Avenida da Boavista!
Estávamos ansiosos pelo que se seguia: a visita ao Museu do Carro Elétrico:
Desta vez a nossa guia chamava-se Diana e explicou-nos muito bem tudo o que havia a saber... desde o Americano até à Zorra ;-)
Foi aí que apareceram duas peixeiras muito engraçadas, que queriam levar o seu peixe (que não era a sério, era de peluche) na vagoneta... eram tão engraçadas que nos fartamos de rir!
Aqui fica um pouquinho da sua atuação... sim, porque elas eram atrizes!
video

video
Já na parte de cima do Museu voltamos a encontrá-las, agora fazendo outras personagens, para mais um momento bem-disposto, onde ouvimos uma história, cantamos e dançamos todos juntos!
A visita terminou com a esperada viagem de carro elétrico até à Foz do Rio Douro...
Lá chegados, o condutor do elétrico, que se chama Guarda-freio, mudou o freio (travão) para o outro lado e os últimos passaram a ser os primeiros ;-)
Uma experiência de tal modo inesquecível que, à saída, saída dissemos ao senhor: 
- Nós não gostamos... nós adoramos!
Despedimo-nos então do Porto, mas não sem um lanchinho para aconchegar a barriga...
Com algumas sonecas pelo caminho, a viagem correu bem e chegamos todos direitinhos...
Estamos todos de parabéns, foi um dia 5*****
Agora é só banho, jantar e cama, que amanhã não é dia de folga ;-)

segunda-feira, 22 de maio de 2017

"Trocas e baldrocas"

Hoje recebemos a última visita deste ano no âmbito do Programa PASSEzinho, tendo vindo ao nosso jardim duas nutricionistas: a Drª Susana e a Drª Judite. 
Foi esta última que connosco fez esta atividade com um nome tão engraçado... 
Trocas, quer dizer mudanças, substituições; foi isso mesmo o que tivemos que fazer, trocar os alimentos menos saudáveis por outros mais saudáveis!
Baldrocas, não conhecíamos esta palavra, mas chegamos à conclusão que quer dizer confusão, baralhada, misturada...
A Drª Judite queria abrir um restaurante especialmente saudável, para pessoas muito importantes... e precisou da nossa ajuda para elaborar os menus: havia que analisar um a um e substituir os alimentos que não eram adequados por outros melhores, mais protetores da saúde. Foi que fizemos, em pequenos grupos:
Parece que este restaurante vai ser mesmo um sucesso!
Ainda colorimos cada um o seu alimento, recortamos e colamos numa folha colorida, para guardarmos nos portefólios como registo desta atividade:
No final contamos o que aprendemos à Maria PASSEzinha, a nossa mascote.
A Drª Judite deu-nos os parabéns por tudo que conseguimos dizer e fazer, ficou muito surpreendida com o nosso vocabulário :-) 
Nós também agradecemos e dissemos que gostamos muito de a ter por cá!
Ainda houve tempo para brincadeiras e algumas criações...
E ainda para a Miró-mania, com mais algumas recriações espontâneas!
Preparamos o nosso passeio de amanhã, combinando tudo o que é importante, como:
- Deitar cedo e dormir bem
- Vestir a T-shirt que foi oferecida no Natal pela Associação de Pais (que servirá, juntamente com o chapéu  e o crachá - do jardim - como forma de nos identificarmos)
- Usar roupa fresca para o calor que está previsto: calção/saia e sandália ou ténis
- Chegar à escola até às 8h45m (para dar tempo de colocar os SRC no autocarro e acomodar toda a gente confortavelmente)
- Às 9h será a partida e não se espera por ninguém, pois temos que chegar a Serralves à hora certa, senão não nos deixam entrar...
- Ah e o juizinho todo na cabeça, não é professora?
;-)
Então até amanhã!

sexta-feira, 19 de maio de 2017

A terminar a semana em modo Miró...

Entre tantas produções sobre Miró, na hora de organizar as produções semanais não foi fácil fazer escolhas e decidir o que ia para o Portefólio ou para a capa... 
- São tão bonitas estas pinturas!
A verdade é que os desenhos não lhes ficam nada atrás...
Tínhamos combinado também experimentar colagens e técnicas mistas, com recurso às formas, figuras e cores mais utilizadas por este pintor... começamos hoje:
Depois veremos o que resulta, pois é como Miró dizia...
Bom fim de semana... e uma boa Festa das Crianças para todos!
Domingo será a vez dos mais pequenos mordomos e mordomas desfilarem os seus mini-cestos e mini-andores :-)

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Dia de Aulas ao Ar Livre 2017

Logo pela manhã, planeamos este dia especial: o que queríamos fazer lá fora durante todo o dia? Não foi difícil chegar a consenso e estas foram as nossas atividades ao ar livre:
Cuidar da Horta de Avós e Netos (que já estava a precisar!):
Trabalhamos a terra: cavamos, tiramos as ervas más, que se chamam daninhas, plantamos e semeamos alfaces e tomates, regamos; apanhamos as ameixas caídas da ameixoeira, colocamos o que podia ser colocado no compostor e varremos tudo no final.
Ainda pintamos dois seixos de amarelo,  para sinalizarem quais são os nossos canteiros: o 2 e o 3, porque os restantes são das outras salas!
Tratar do Jardim Mágico das Flores... também tiramos ervas daninhas, colocamos algumas flores novas e regamos, varrendo tudo no final.
A Natureza também precisa de miminhos, para produzir hortícolas biológicos para a nossa cantina e também bonitas flores para embelezar a escola.

Brincar...
Já de tarde e depois de tanto trabalho, dedicamo-nos às brincadeiras planeadas: o jogo da cabra cega, o jogo do lencinho vai na mão e o jogo da macaca, fizeram as nossas delícias :-)
 E o que gostamos de jogar à macaca! ;-) estamos a ficar bons nisto!
video
Ainda houve um espacinho para outras brincadeiras, que misturaram Arte e Natureza: 
Pinturas à volta da árvore...
 E texturas à volta da árvore, usando crayons de cera de abelha ;-)
Experiências diferentes, sensoriais e artísticas :-)
Até o lanche da tarde foi no exterior, como não podia deixar de ser...
No final, no Diário de Grupo em "O que gostamos" ficou registado: 
- Gostamos de tudo, foi tudo uma alegria, uma maravilha!

Da nossa planificação matinal, apenas não cumprimos duas coisas: 
os jogos das escondidas e das apanhadinhas, que ficaram para amanhã :-)
Até lá!

Nota: 
Hoje vamos para casa mais sujos, mas não faz mal nenhum! 
Nada que uma bela banhoca não resolva. 
"É bom sujar-se!" principalmente neste


Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos